Visitar o concelho de Oliveira de Azeméis é envolver-nos com uma das suas identidades mais fortes. Os moinhos de água! Marcaram o passado das suas terras e das suas gentes.

Hoje, muitos deles estão em ruínas, mas ainda há os que resistem, e há também ações e iniciativas para perpetuar o que foi o seu passado, a sua história. E foi nesse âmbito, que em 2000, o município criou o Parque Temático Molinológico. Um projeto materializado na recuperação de moinhos e na criação de infra-estruturas turísticas e culturais.

A visita

O time off foi na freguesia de Ul, num dos 4 núcleos do parque. Foi lá, e a poucos metros da Igreja Matriz, junto às margens do Rio Ul, que foi construído o edifício administrativo, a receção ao parque, o Núcleo Museológico do Moinho e do Pão, um bar de apoio e um parque de merendas. A visita concentrou-se no Núcleo Museológico. Um antigo conjunto de moinhos em ruínas, que foram recuperados para esse fim.

Cá fora, as levadas a encaminhar a água e a fazer girar as mós. Lá dentro, o cereal a cair gradualmente para ser moído. O processo pode (e deve) ser observado do início ao fim. O espaço conta uma viagem ao tempo em que os  moinhos de água foram uma importante fonte de riqueza da região. Há várias peças e conteúdos que preenchem e enriquecem o espaço. Contam a história. Mas mais! Associada à moagem de cereais está também o pão. Uma das maiores referências gastronómicas do concelho, e, em particular, da freguesia de Ul, com as regueifas e as padas. Portanto, integrada no Núcleo Museológico, há também uma padaria onde se pode acompanhar a confeção do produto, marcada por um trabalho totalmente manual e pelo forno a lenha. Impossível, foi não por a mão na massa e sair de lá sem provar este sabor tradicional. Maravilhoso. Gosto tanto!

Agora, é voltar para fazer os percursos pedestres inseridos no parque, a – Rota dos Moleiros e a Rota do Castro -. Caminhos intemporais que nos levam a percorrer uma rota de cerca de 4km, marcada por açudes e levadas pelas margens dos rios Ul e Antuã.

Deixe uma resposta